sábado, 21 de maio de 2011

HORA DE LIMPAR A GAVETA...

 





   É, é isso mesmo, não é um texto com dicas de como organizar seu armário e suas coisas (até porque se vissem o meu... vixe!)mas é uma maneira mais simpática e simples de dizer que é hora de..."arrumar a sua vida, fazer uma limpeza".
 
    Todos nós temos aqueles sentimentos guardados, pequenas coisas boas ou ruins, que nos bloqueiam para várias situações que surgem no dia a dia. Pode ser no âmbito amoroso, profissional, social, não importa, o que importa é que em um determinado momento, você não escapará da obrigação de promover uma "limpeza".

   É como aquela gaveta onde você vai jogando tudo ao longo do ano, onde você deixa guardado o que está incomodando aqui do lado de fora, é uma maneira de deixar tudo com a aparência de arrumadinho, mas no fundo você sabe que está lá, que logo ou cai o fundo da gaveta, ou quando abrir ela explode.

   Eu considero a época do final de ano ideal para começar a limpeza ( mas você pode começar a sua agora, porque não?), no final do ano sempre prometemos uma limpeza, o pessoal apela para as côres, pula onda na praia, e no final das contas   acaba é guardando mais coisas lá na "gaveta"(promessas então...xiii), digamos que a metade do ano marque uma virada, pode ser o momento ideal também para você começar a arrumar este espaço dentro de você (mas nunca é tarde porque não... agora?). Assim você realmente chegará no final do ano com espaço para mudanças e novas decisões, caso contrário após a meia noite, a única mudança será a do calendário (fato).

   Quem está em um relacionamento começa a pesar e observar melhor o que está acontecendo à sua volta, analisa as amizades, as atitudes de quem o cerca, e as que tem em relação aos que o cercam. No âmbito profissional começa a analisar as chances de evoluir, procura novas perspectivas, novas oportunidades, enfim, sempre chega a hora de fazer o balanço de tudo o que está acontecendo.

   É hora de olhar-se no espelho e perguntar; 

  - "O que eu posso melhorar?"

  - "Eu preciso disso?" (em relação a guardar sentimentos, ou passar por determinadas situações)

  -"Eu estou perseguindo os meus sonhos, ou estou esperando demais?"

  -"O que eu fiz comigo?" ( para aqueles que se deixaram abater emocionalmente )

  -"Eu quero? Eu vou conseguir!"

  -"Minha insegurança pode me impedir de viver algo interessante?"

   -" Porque eu errei... será que escolhi o caminho certo?" ( quando você pode voltar atrás e dar outra chance a si mesmo)

  

   Esqueça mapa astral, cartomante, vidente, Walter Mercado, Mãe Dinah, numerologia... simplesmente entenda que nada é por acaso, é tudo resultado do seu descaso, toda ação provoca uma reação,e se você aprende as lições, mesmo as mais simples, não dará um passo atrás para cada dois que avançar.

   Quando chegar a hora de fazer a "limpeza", tenha em mente que esta bagunça é sua, quem deve arrumar é você, até porque depois de colocar tudo em ordem a sensação de dever cumprido e de superação, é indescritível. Tenha metas, planos, sonhos... busque desafios.

  Se você sonha, transforme o sonho em meta...  a meta em obstáculo, superou o obstáculo? Continue sonhando... lembre-se, para superar os obstáculos é necessário estudá-los, planejar, e ao iniciar a execução ter a consciência de que não é impossível, porque o impossível é quase sempre aquilo que não se tentou.

  É hora de começar a arrumar aquela gaveta... parece complicado mas quando você descobrir que guarda muita coisa desnecessária, que ocupa espaço com bobagens, vai ver como fica tudo melhor, mais "arejado".

  Você pode arrumar a gaveta, escalar o Everest, atravessar o deserto, não importa a analogia, mas reparou que é sempre uma questão de sobrevivência e superação? Você pode não ser o "Bear Grils" (especialista em sobrevivência em regiões inóspitas, que dá dicas no programa A Prova de Tudo), mas chegou até aqui é um sobrevivente, todos nós somos, não importa a altura do cume, a extensão do seu deserto, ou a bagunça da sua gaveta, quem determina o grau de dificuldade é você.

  Um grande abraço à todos e...  uma ótima arrumação ou uma excelente jornada aí dentro de você, e se precisar de ajuda, a humildade é a ferramenta mais util para os sobreviventes, e nesta jornada, nunca estamos sós.

   Lembre-se o segredo para começar... é fazer a pergunta certa a si mesmo. "Porque não?" é o primeiro passo para não limitar-se, se a pergunta que surge for um... "será?", então com certeza logo logo o fundo da sua gaveta cairá no seu pé.

   No amor, nas amizades, no trabalho... existe um segredinho para que a limpeza fique mais fácil... é uma palavrinha composta, que é mágica... "amor próprio".

   Pense nisso...   "faça o que deve ser feito".

   

       

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário faz parte da evolução de todos nós, critique, brigue comigo, concorde, discorde, estou aqui para aprender...